[Especial Halloween] Resenha: Medo de Palhaço

31 outubro



Autores: Marcelo Milici, Filipe Falcão, Gabriel Paixão, Matheus Ferraz e Rodrigo Ramos.
Editora: Generale. Páginas: 274.
Você tem medo de palhaços? Você já ouviu o termo Coulrofobia se referindo a esse tipo de medo? Não é muito raro nos depararmos com histórias assustadoras de palhaços ou mesmo ouvir relatos de pessoas que possuem medo desses personagens. Se você tem interesse e quer saber mais sobre esses personagens que muitas vezes são uma tentativa frustrada de humor e acabam assustando ao invés de provocar risos, "Medo de palhaço" é o livro indicado para você. O pessoal do blog Boca do Inferno decidiu reunir nesse livro um compilado sobre a origem, as lendas, os livros e filmes protagonizados por palhaços.
“Medo de Palhaço” está simplesmente I-N-C-R-Í-V-E-L. Além da parte gráfica que está muito bem elaborada, o livro está muito bem escrito e conta com uma pesquisa minuciosa sobre o tema, apresentando desde fatos históricos até fatos recentes tudo com muita propriedade. Preciso confessar que não sou fã de palhaços, não consigo encontrar graça nesses personagens, e mesmo não tendo coulrofobia prefiro por diversas vezes manter uma certa distância na vida real e deixá-los próximos apenas em filmes ou livros de terror/horror. E como estamos falando sobre o Halloween este livro cabe super bem pra situação.
Logo na introdução um dos autores do livro conta como surgiu a obsessão pelo tema e como superou o próprio medo de palhaço. Ele chega a citar que um dos personagens que mais o aterrorizou na infância era do Batman, isso mesmo, você não leu errado, tudo isso por causa de uma cena em que o Coringa aparece após uma jornalista ter um ataque de risos em meio a uma apresentação no telejornal. A forma como o autor tem propriedade para falar sobre o assunto garante a veracidade dos fatos expostos.

Os primeiros capítulos se dedicam a situar o leitor sobre a origem dos palhaços desde a Roma Antiga aos dias atuais, aborda ainda um pouco sobre a etimologia da palavra palhaço em alguns idiomas, auxiliando a formar a imagem do personagem em questão. Além disso, ainda é abordado sobre os bobos da corte e a diferença entre eles e os palhaços. Apesar de estarem conectados por brincarem com os costumes da época os palhaços apresentam uma função social distinta. Como já mencionei o livro traz uma visão termo coulrofobia com embasamento científico, explicando um pouco mais sobre o trauma e os sintomas.
Uma das lendas abordadas no livro é a do palhaço que roubava órgãos em Osasco. Por não ter registros específicos do caso, acredita-se que na década de 1990 algumas crianças foram abordadas por uma pessoa caracterizada de palhaço e em seguida desapareceram. Dias depois o corpo era encontrado com uma grande incisão que ia da barriga ao tórax. As autópsias revelaram que os corpos estavam sem coração, rins e outros órgãos aptos para o transplante. O medo tomou conta da região de Osasco e das cidades vizinhas na época. A repercussão nas mídias não ganhou proporções nacionais o que garantiu o início de uma lenda. Com o passar dos anos a história foi ganhando novas versões e se espalhando de diferentes formas, mas não há dúvidas que o medo se espalhou naquela região.
Outra história apresentada é a de John Wayne Gacy Jr. um cidadão acima de qualquer suspeita, com uma ficha impecável que se vestia de palhaço para entreter crianças. Seus vizinhos ficaram surpresos quando a polícia começou a escavar o quintal dele e encontrar diversos corpos. O livro conta com um capítulo exclusivo sobre todos os detalhes da vida do serial killer, como foi descoberto e seu julgamento. Ao final do capítulo é apresentado alguns ‘reviews’ de filmes baseados na história de Garcy e ao final é dada uma nota para o mesmo. O com maior pontuação é “Dear Mr. Garcy”, que é classificado como um thriller psicológico de primeira linha, com pouco sangue, porém bem estruturado.

Para quem é cinéfilo e gosta de filmes de terror esse livro é um prato cheio, pois traz diversos reviews como o citado anteriormente de filmes com palhaço na trama principal, todos acompanhados de uma nota ao final. O que é ótimo para ajudar na hora de escolher um filme do gênero para assistir. Um dos destaques é o Pennywise, que no momento é um dos palhaços mais famosos da literatura e do cinema, são várias páginas dedicadas a esse personagem. Alguns personagens de desenho animado também foram lembrados como Krusty que aparece em “Os Simpsons” e Arco-Íris: O Palhaço Colorido que aparece em “As Meninas super Poderosa”. Tem ainda, um capítulo especial só para o Coringa, o vilão do Batman, que traz muitos detalhes e fatos interessantes sobre o personagem.




Por se tratar de um livro enciclopédia é impossível entrar nos mínimos detalhes sobre o vasto conteúdo apresentado nele. Posso afirmar que os autores se engajaram e fizeram um trabalho impecável. A escrita é da mais alta qualidade e todos os fatos são bem organizados. Os autores possuem total domínio sobre o tema e conseguem surpreender o leitor. A edição está magnífica, conta com diversas fotografias, páginas coloridas e um design gráfico lindo. Se você tem curiosidade em conhecer um pouco mais sobre lendas, histórias reais e filmes relacionados com o tema esse é o livro ideal.

Você pode gostar

7 comentários

  1. Já resenhas desse livro e uma delas falava mais da ligação do livro com filmes de palhaços. Achei interessante um dos autores falar sobre eles mesmo e o medo de palhaço que ele tinha. To bem ansiosa para ler o meu, comprei ele na feira hehehe

    ResponderExcluir
  2. Já li resenhas sobre esse livro e confesso que não é uma leitura que me encha os olhos, não gosto do gênero e muito menos de palhaço. Não que eu tenha medo, pois não tenho, simplesmente não gosto, acho extremamente chatos. Mas gostei de conferir sua opinião sobre essa obra.

    Beijos

    ResponderExcluir
  3. Oi. não tenho medo de palhaços, mas conheço algumas pessoas que têm e sou bastante impressionável. eu não sabia da existência desse livro e achei muito bom, diferente de tudo que já vi, a capa também está bem feita, eu certamente leria, por curiosidade sobre as informações contidas, excelente dica de leitura.

    ResponderExcluir
  4. Olá!
    Olha, não tenho medo de palhaço mas para mim eles me da uma coisa que nem sei o que, eu não sou tão fã deles assim e a forma que os autores criar eles são bem assustadores.Eu não conhecia esses livros e gostei muito e bem interessante.

    Meu Blog:
    Tempos Literários

    ResponderExcluir
  5. Olá!! :)

    Eu confesso que não conhecia este livro, mas, de qualquer das formas, parece uma ótima dica para um post de Halloween!! :)

    Bem, acho ótimo que o livro seja tao detalhado e rico, e que os autores cruzem bem as suas informações! :)

    Boas leituras!! ;)
    no-conforto-dos-livros.webnode.com

    ResponderExcluir
  6. Oiii Carol

    Essa é a primeira resenha que leio do livro e apesar de achar o tema interessante pra quem curte e tem curiosidade, não é uma leitura que eu faria. Não curto muito palhaços, nunca curti e mesmo os filmes praticamente nunca me chamam a atenção...
    A resenha ficou ótima e as fotos ficaram lindas.

    Beijos

    aliceandthebooks.blogspot.com

    ResponderExcluir
  7. Olá
    uau uma ótima pedida para o halloween, adorei. Ja li o livro e achei muito legal pois adoro terror e palhaços, e a edição esta realmente maravilhosa

    beijos
    http://www.prismaliterario.com.br/

    ResponderExcluir

Facebook

Instagram